Página Inicial | Webmail | Acesso Restrito | Fale Conosco
Desenvolvido por: SIGEP - Sistema Integrado de Gestão Pública


Nossa FORÇA vem dos MUNICÍPIOS



Municípios têm até 15 de fevereiro para adesão ao Programa Saúde na Escola

Publicado em 04/fev/2019


Os municípios goianos têm até o dia 15 de fevereiro para realizarem o ciclo de adesão 2019/2020 do Programa Saúde na Escola (PSE). O alerta é da coordenadora da Saúde do Adolescente da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), Ana Maria Passos Soares. Ela alerta que cerca de 36% das prefeituras de Goiás ainda não se manifestaram, podendo perder recursos e uma importante estratégia de promoção da saúde.

O PSE é uma política intersetorial da saúde e educação que foi instituída em dezembro de 2007. Em 2018 o Estado de Goiás, por meio da SES-GO e da Secretaria Estadual da Educação, pactuou 2.512 escolas em todas as cidades goianas, sendo 1.629 escolas prioritárias, aumentando o número de alunos para 694.196. Também participaram do programa 635 creches. Para realizar a adesão ao PSE acesse egestorab.saude.gov.br. Caso já seja cadastrado e possua usuário e senha, clique em “acesso restrito”. Caso não seja cadastrado, clique em suporte para ter acesso aos manuais, vídeos e tutoriais.

Ana Maria explica que são prioritárias todas as creches públicas e conveniadas do município, todas as escolas do campo, as escolas com alunos em medida socioeducativas e escolas que tenham pelo menos 50% dos alunos matriculados pertencentes a famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

Ação conjunta

Pelo PSE, profissionais de Saúde e da Educação devem atuar juntos no trabalho em sala de aula com crianças e adolescentes de temas importantes para a saúde da comunidade. Fazem parte desta lista assuntos como Aedes aegypti, prevenção de álcool, tabaco, crack e outras drogas, violências e acidentes, saúde bucal, situação vacinal, alimentação saudável, prevenção às Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e promoção da saúde ocular e outros.

As ações do PSE, em todas as dimensões, devem ser inseridas no projeto político-pedagógico da escola. Também deve considerar a diversidade sociocultural das diferentes regiões do País e à autonomia dos educadores e das equipes pedagógicas.O público beneficiário do PSE são os estudantes da educação básica, gestores e profissionais de educação e saúde, comunidade escolar e, de forma mais ampla, estudantes da rede federal de Educação Profissional e Tecnológica e da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

“No âmbito da saúde do adolescente, o PSE é uma estratégia de fundamental importância. É dentro da escola que o mesmo tem seu maior espaço de troca de experiências e onde grande parte de suas vivências e valores são construídos”, afirma Cárita Figueiredo de Castro, gerente da Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente da SES-GO. Segundo ela, a sexualidade, uso/ abuso de álcool e drogas, prevenção de suicídio e automutilação, cultura da paz e não violência, perspectivas e projetos de vida com protagonismo juvenil são temas em que o programa pode ser de real impacto para a diminuição de vulnerabilidade de crianças e jovens.

Confira aqui para acessar o Manual do Ciclo de Adesão ao PSE

Fonte: SES – GO

Hits: 111


Compartilhar




 
 
 





















A Federação Goiana de Municípios (FGM), antes Frente de Mobilização Municipalista (FMM) nasceu em 2001 por iniciativa de um grupo de prefeitos que com uma visão técnica, procuravam uma melhor forma de assessorar aos municípios do Estado de Goiás.

Leia Mais

Filie-se

Contatos


E-MAIL: fgm@fgm-go.org.br
TELEFONE: Geral (62) 3999-7450
Rua 102 – nº 186 – no Setor Sul Goiânia – Go

Fale Conosco


Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados | FGM - Federação Goiana de Municípios