Página Inicial | Webmail | Acesso Restrito | Fale Conosco
Desenvolvido por: SIGEP - Sistema Integrado de Gestão Pública


Nossa FORÇA vem dos MUNICÍPIOS



Primeiro turno das eleições define parlamentares, próximo presidente será escolhido dia 28

Publicado em 08/out/2018


ABrO processo eleitoral deste domingo, 7 de outubro, selecionou os deputados e os senadores da próxima legislatura. A população brasileira também votou para governador e para presidente República. No entanto, os eleitores devem voltar às urnas, no dia 28, para definir quem será o próximo chefe do Executivo e os governadores de 14 Estados, de 2019 a 2022.

Com respectivos 46% e 29,3% dos votos válidos, o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, e do PT, Fernando Haddad, disputarão o cargo máximo do Executivo Federal no segundo turno. A campanha eleitoral deste ano foi mais curta do que o calendário das eleições gerais passadas.

O candidato que aparece à frente nas pesquisas participou da XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios promovida pela CNM, em maio deste ano. Na ocasião, ele falou em descentralização de recursos e de repasse direto aos governos locais e se comprometeu a receber os municipalistas em reuniões trimestrais, para pactuar agenda de trabalho. Com o lema “Menos Brasília e mais Brasil”, ele afirmou que pretende explorar a “potencialidade e o povo brasileiro”, durante o evento que recebeu mais de 8 mil pessoas. Discurso esse confirmado no plano de governo registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Já o Partido do Trabalhadores (PT) apresentou, inicialmente, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva como candidato à presidência do Brasil. Durante a Marcha dos Municípios uma carta de Lula foi lida, pela presidente do partido, Gleisi Hoffmann, e nela o PT também assumiu o compromisso de receber os municipalistas em reuniões trimestrais, além de reativar a sala de atendimento a prefeitos e estabelecer um canal permanente entre a Confederação e seu gabinete, para que as reivindicações sejam apresentadas.

Independentemente do candidato eleito no segundo turno, o movimento municipalista tem se preparado para apresentar mudanças estruturais, partir de janeiro do 2019. Ao que tudo indica, o próximo governo trabalhará em consonância com os Municípios, e dentre as reivindicações a serem apresentadas pelo movimento municipalista, destaca-se a regulamentação do Pacto Federativo.

Fonte: CNM


Compartilhar




 






















Parceiros




Filie-se


Contatos


E-MAIL: fgm@fgm-go.org.br
TELEFONE: Geral (62) 3999-7450
Rua 102 – nº 186 – no Setor Sul Goiânia – Go

Fale Conosco


Copyright © 2017-2019 - Todos os direitos reservados | FGM - Federação Goiana de Municípios