Página Inicial | Webmail | Acesso Restrito | Fale Conosco
Desenvolvido por: SIGEP - Sistema Integrado de Gestão Pública


Nossa FORÇA vem dos MUNICÍPIOS


Relatório da Lei Kandir é aprovado com previsão de repasse anual de R$ 39 bilhões

Publicado em 16/maio/2018


Em reunião da Comissão Mista Especial da Lei Kandir, realizada na tarde desta terça-feira, 15 de maio, parlamentares aprovaram, de forma unânime, o relatório apresentado pelo senador Wellington Fagundes (PR-MT), construído a partir da proposta aprovada em Comissão Especial da Câmara dos Deputados.

O texto determina que a União entregue anualmente R$ 39 bilhões a Estados, Distrito Federal e Municípios como compensação pela não incidência do Imposto sobre operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre prestações de Serviços de transporte interestadual, intermunicipal e de comunicação (ICMS) sobre exportações de bens primários e semielaborados e sobre operações interestaduais destinadas à industrialização e à comercialização.

Antes de ser colocada em votação, a redação sofreu quatro complementações relevantes. A primeira altera o critério inicialmente proposto de rateio do repasse, que passa a considerar 40% segundo coeficientes fixos, 40% conforme o critério de exportações de produtos primários e semielaborados e 20% segundo os saldos positivos da balança comercial.

A segunda alteração estabelece que serão computados, no cálculo da Receita Corrente Líquida, os valores pagos e recebidos em decorrência da Lei Kandir. A terceira revoga o anexo da Lei Complementar 87/1996 e inciso que faz referência a ele no Art. 32. E, como última complementação, foi adicionada redação que obriga a entrega do repasse do Auxílio Financeiro para fomento à exportação (FEX), do exercício do 2018, pela União aos Estados, Distrito Federal e Municípios, no montante de R$ 1,950 bilhão a ser repassado após 30 dias da vigência da Lei.

A aprovação é um grande passo para auxiliar Estados e Municípios no enfretamento da crise federativa que vem impactando fortemente as capacidades de promoção e gestão de políticas públicas. A matéria agora segue para o plenário da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

Fonte: FGM com dados da CNM

Hits: 12


Compartilhar




 
 
 





















A Federação Goiana de Municípios (FGM), antes Frente de Mobilização Municipalista (FMM) nasceu em 2001 por iniciativa de um grupo de prefeitos que com uma visão técnica, procuravam uma melhor forma de assessorar aos municípios do Estado de Goiás.

Leia Mais

Filie-se

Contatos


E-MAIL: [email protected]
TELEFONE: Geral (62) 3999-7450
Rua 102 – nº 186 – no Setor Sul Goiânia – Go

Fale Conosco


Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados | FGM - Federação Goiana de Municípios